Brasiliense Koc Pitt conquista mercado internacional

A marca de sandálias Koc Pitt já está presente em 8 países, além do Brasil

Por Hudson Cunha 08/02/2018 - 09:44 hs

Existe algo mais prazeroso que chegar em casa, depois de um longo dia de trabalho e calçar aquele chinelo macio e confortável? Há 19 anos, o empresário Jeová de Souza, dono da marca de sandálias Koc Pitt investe nesta ideia.

A fábrica está instalada no Polo JK, em Santa Maria (DF). De acordo com Jeová, a Koc Pitt é a 4º maior indústria do segmento na região Centro - Oeste. "Nosso produto é o terceiro mais vendido, segundo pesquisas feitas por revistas do meio atacadista," destaca o empresário.

Jeová também ressaltou que chegar a este patamar, não foi uma tarefa fácil. Ele ainda falou sobre o mercado e as metas de crescimento da empresa para 2018.

"Construir uma marca requer muito trabalho. Quando você diz que está produzindo sandália em Brasília, as pessoas logo pensam: (Deve ser um fundo de quintal ou uma daquelas marcas que vendem nos programas de TV, que você já pega a planta da sandália pronta!). Aqui a matéria prima vem do seringueiro, lá da usina de borracha. É um processo que exige um cuidado minucioso com a qualidade, e é com isso que trabalhamos."

De Brasília para o mundo

"O nosso primeiro mercado foi os Estados Unidos que é um dos mais exigentes. Já estamos conquistando a Europa e a África. Estamos presentes em 8 países, além do Brasil, e estamos com trabalhos no Mercosul."

Emprego e renda

"Hoje, a Koc Pitt gera 130 empregos diretos e cerca de 30% indiretos. Entre diretos e indiretos, nos aproximamos de 200 empregos. Isso vai crescendo gradativamente, temos boas expectativas para o ano que vem. A nossa meta de crescimento para 2018, é de 10% ao ano."

País referência

"O Brasil é referência em produção de sandálias de borracha. Se você chegar em qualquer lugar do planeta, as pessoas conhecem Havaianas. E quem fabrica? O Brasil."